Declaração de IRPF 2017

IRPF 2017

 

No início de março começou o prazo para entrega da sua declaração de IRPF 2017, referente ao exercício 2016.

Confira abaixo;

  • Cronograma
  • Tabela do Imposto de Renda 2017
  • Quem deve declarar
  • Como funcionam as deduções para empregador doméstico

Cronograma divulgado pela receita Federal;

Foi disponibilizado no dia 23/02/2017 o programa gerador da Declaração de Imposto sobre a Renda da pessoa física 2017 (DIRPF 2017) para download no site da Receita Federal do Brasil.

O início da recepção da DIRPF 2017 foi em 02/03/2017.

O fim do prazo para envio das declarações será em 28/04/2017.

O NOLAR está integrado ao eSocial. Você cria sua conta, gera cálculos, recibos e a sua Guia DAE do eSocial já vem com os descontos calculados.

CRIE SUA CONTA GRATUITA NO NOLAR

Reajustes das alíquotas para 2017;

Todos os anos o Governo Federal anuncia o reajuste anual da Tabela do Imposto de Renda 2017, correspondente à alteração dos limites de contribuição por cada alíquota do IR.

Esse ano, a tabela do Imposto de Renda 2017 foi alterada com um aumento de 5%, metade da inflação registrada entre os anos de 2015 e 2016.

Confira as faixas e limites da isenção dos contribuintes;

  • Quem tem rendimentos de até R$ 1.903, 98 é isento do IRPF;
  • Quem tem ganhos mensais de R$ 1.903,98 a R$ 2.826,65 paga uma alíquota de 7,5%;
  • Aqueles que ganham de R$ 2.826, 65 a R$ 3.751,05 pagam uma alíquota de 15%;
  • Quem recebe de R$ 3.751,05 até R$ 4.664,68 paga uma alíquota de 22,5%;
  • Quem recebe acima de R$ 4.664,68 é tributado com uma alíquota de 27,5%;

Quem deve declarar o Imposto de Renda 2017;

Confira a seguir a relação dos principais perfis de contribuintes que devem fazer a declaração do IRPF 2017.

  • Contribuintes pessoa física, residentes no Brasil, que tenham recebido rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.123,91 no ano anterior;
  • Contribuintes pessoa física, residentes no Brasil, que tenham recebido no ano passado, rendimentos não tributáveis, ou tributáveis exclusivamente na fonte, com total acima de R$ 40.000,00 em 2016;
  • Qualquer pessoa que tenha feito operações em bolsas de valores, operações de mercados futuros, mercados de capitais ou similares, ou que ainda tenham obtido ganhos sujeitos a incidência de Imposto de Renda;
  • Qualquer pessoa que possua em seu nome propriedades de bens e direitos – inclusive terra nua – com valor superior a R$ 300 mil;
  • Contribuinte que, no ano passado, passaram à condição de Residentes no Brasil;
  • Agricultores ou trabalhadores que, no ano passado, tenham obtido renda bruta superior a R$ 140.619,55 originária de atividade rural;
  • Pessoas que tenham optado pela isenção de imposto de renda incidente sobre ganho de capital originário da venda de imóveis residenciais, cujos rendimentos tenham sido usados para aquisição de imóveis residenciais em território nacional.

Os dados apresentados acima referem-se ao período anterior, portanto ainda podem haver mudanças até o final do período de entrega da Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda.

Como funcionam as Deduções no IRPF 2017 para empregador doméstico;

Pode ser deduzido do seu Imposto de Renda as despesas com a contribuição à previdência social do empregado doméstico pago pelo empregador.

A dedução deve ser apurada somente sobre a parte do empregador (valores de INSS parte do empregador), conforme as regras da Receita Federal.

O limite de abatimento da contribuição patronal da Previdência Social incidente sobre a remuneração do empregado doméstico na declaração do Imposto de Renda 2017, ano-base 2016, é de R$ 1.093,77. No ano passado, esse limite era maior: de R$ 1.182,20.

Para optar pela dedução referente a contribuição à previdência social do empregado doméstico, é importante que os pagamentos mensais do Documento de Arrecadação do eSocial (DAE) estejam em dia. Além disso, a dedução é limitada a um empregado por CPF.

Como definir o valor que deve ser informado para dedução do INSS no IRPF 2017;

nolar_outros_deducao_IRPF_2017

Para ver os valores que podem ser lançados na dedução do INSS no IRPF 2017, acesse sua conta no NOLAR, clique na aba “Outros” e em seguida selecione “DEDUÇÃO DO INSS NO IRPF – EXERCÍCIO 2016”.

Ainda não tem uma conta no NOLAR? Clique aqui e crie a sua conta.

 

Sua opinião é sempre muito importante!

Gostou dessa matéria sobre o IRPF 2017 ? Deixe seu comentário abaixo e compartilhe com seus amigos que podem precisar dessa informação.

Ficou com alguma dúvida? Escreva abaixo nos comentário e nossa equipe responderá todas as dúvidas.

 

  • Ivone Paschoa /

    Olá Rogério,
    Entrei na portal NOLAR, cliquei na aba OUTROS e em DEDUÇÃO DO INSS NO IRPF – EXERCÍCIO 2016, conforme orientado, porém a lista de valores me aparece contribuição de dez/15 á nov/16 + 13º que provavelmente é de 2015 (pela ordem que me aparece). O que devo considerar? Pq não me aparece o mês de dez/16 e 13º de 2016 ?

    Na somatória dos valores os mesmos ficam superior ao limite informado para declaração de R$ 1.093,00, devo colocar o valor da soma total ou somente o limite estipulado?

    • Rogerio Blatt /

      Olá Ivone,

      Na planilha citada, são considerados os valores recolhidos no ano de 2016, independente da competência.
      Lance o valor apurado no campo “valor pago” na declaração de IR anual.

  • E o empregado doméstico que teve imposto retido na fonte. Onde ele declara o recebimento?

    • Rogerio Blatt /

      Olá Paulo,

      Nesse caso deve-se entregar o informe de rendimentos emitido pelo esocial e declara-lo na DIRF.

  • Olá,

    No site do esocial é possível encontrar o valor consolidado que pode ser deduzido por empregada? Para este fim, posso utilizar o valor informado “2-Contribuição previdenciária oficial”, do informe de rendimento de cada empregada?

    Att.

    Obrigado

    • Rogerio Blatt /

      Olá Marcelo,

      Acesse o NOLAR, clique na aba OUTROS e em DEDUÇÃO DO INSS NO IRPF – EXERCÍCIO 2016

  • Ola,

    Temos 2 empregas domésticas registradas no meu CPF. Eu e minha esposa fazemos declarações completas, podemos declarar um empregada no meu CPF e outra no da minha esposa para fins de dedução?

    Att.
    Obrigado

    • Rogerio Blatt /

      Olá Marcelo,

      Nesse caso não, deve-se optar por um dos empregados e declara-lo no IR anual.

  • Lise Maria Tourinho de Menezes /

    Foi útil e como sempre a informação chega na hora certa . Parabéns pelo profissionalismo.

  • Patricia Machado Coelho /

    Faço declaração separado do meu marido.
    Temos uma empregada doméstica contratada em meu nome na Carteira de Trabalho e no Esocial.
    Meu marido pode lança-la na sua declaração?
    Existe um valor minimo para declaração deste ano?
    Aguardo retorno.
    Obrigada.

    • Rogerio Blatt /

      Olá Patricia,

      Não, nesse caso a empregada deverá ser lançada na sua declaração anual de IR.

      O teto máximo para a dedução é de R$ 1.093,77.

  • claudia fagim /

    Vocês são ótimos. Profissionalismo 10.

  • Carlos Alberto Rodrigues de Oliveira /

    Excelente trabalho o de vocês, demonstram conhecimento, profissionalismo e ainda ajudam as pessoas.

  • Jaime Gonçalves de Lima /

    Faço declaração em separado com minha esposa (casado oficialmente), ela faz no simplificado e eu no completo.
    Temos uma empregada domestica contratada pela minha esposa, posso colocar a empregada domestica em minha declaração?
    Agradeço o retorno

  • JORGE LUÍS /

    Estou com uma dúvida? Posso colocar no meu IRPF 2017 os valores pagos no CPF da minha mulher no E-Social ?

    • Rogerio Blatt /

      Olá Jorge,

      Sim, mas somente se a mesma for sua dependente na declaração de IR anual.

  • Elisângela /

    Obrigada por lem

  • Juliano Simões /

    Olá, fiquei com uma duvida. Só posso declarar o INSS? Como faço para declarar o salario pago ao empregado domestico e também o FGTS pago para este?
    O Salario e o FGTS são dedutíveis como o INSS?

  • Silvana Ottoni /

    Vocês, sempre nos brindando com uma ajuda preciosa! Obrigada!

  • Fátima Costa /

    Muto bom lembrar essa dedução. Parabéns.
    Fiquei com uma dúvida: tive uma empregada contratada em maio/2016 que saiu em agosto . Depois contratei outra a partir de setembro/2016. Li que só pode declarar uma. Nesse caso também?

  • Se não houve retenção de Ir, mesmo assim preciso enviar a DIRF para a Receita?

    • Rogerio Blatt /

      Olá Clara,

      Caso não tenha retenção de IR em 2016, não é necessário enviar a DIRF.

  • Ricardo Goulart /

    Prezados, boa tarde.

    Estou com a seguinte dúvida: A minha empregada doméstica está registrada em nome nome (esocial) e sou em quem pago os encargos. Contudo, como faço minha declaração no simplificado, gostaria de saber se minha esposa pode incluir a despesa na declaração dela (completa), visto que estamos falando do mesmo núcleo familiar?
    Destaco ainda as restrições de alteração do empregador pelo esocial (morte ou abadono familiar) e, por outro lado, o conceito de empregado doméstico estabelecido pelo artigo 1º da Lei Complementar nº 150/2015 define como empregado doméstico “aquele que presta serviços de forma contínua, subordinada, onerosa e pessoal e de finalidade não lucrativa à pessoa
    ou à família, ….”. Desde já agradeço a atenção dos senhores.

  • josé soares de souza /

    Fico muito grato com as informações sobre Declaração Imp.Renda e aguardo o comunicado com as atualizações. Esta equipe Nolar esta de parabéns!

  • Marcia Mello /

    Muito obrigada,por estas e tantas outras informações,importantes.
    A equipe da Nolar,está de parabéns!!!

  • Ana Lucia East /

    A matéria é boa, mas acho importante nos fornecer informações sobe a Declaração DIRF/2017.

    • Rogerio Blatt /

      Olá Ana,

      As informações mais detalhadas serão divulgadas pela Receita Federa no dia 23/02.

      Faremos novos comunicados com essas atualizações.

  • Ana Lúcia Costs /

    Parabéns! Informações claras e oportunas.

  • Naly ferreira Fraga Milhomem /

    Gostei muito, vai me ajudar bastante.

  • Maria Umbelina G. Toloi /

    ´´E muito importante as orientações dadas s/ Imp. de Renda. Fico muito grata com as informações dadas pela NOLAR. .

  • Fatima Anchieta /

    Muito boa matéria! Obrigada

  • Nelson Plasa Morilla /

    Sempre na dianteira das informações na área trabalhista, nos brinda com suas instruções esclarecedoras em uma linguagem bastante clara e objetiva. Espero ser merecedor dessa atenção, sempre.

  • Sonia Soares /

    EXCELENTE SITE EM TODOS OS SENTIDOS…
    GOSTARIA DE SABER O VALOR PARA INSCRIÇÃO NO MESMO.
    VCS OFERECERAM GRÁTIS POR UM TEMPO, MAS E DEPOIS EM QUANTO FICARÁ ?
    OBRIGADO.
    SONIA SOARES

  • nisio tostes /

    Oportuno e necessário esclarecimento. Muito boa a matéria. Meus agradecidos cumprimentos. Nisio Tostes

  • HORTENCIO MORAES /

    Muito boa a matéria e com uma linguagem acessível. Ficarei no aguardo do limite de dedução do doméstico para 206/2017

  • Susi Ferreira Pozza /

    A publicação foi muito esclarecedora e chegou na hora necessária. Estão de parabéns

  • Contratei minha empregada em 1 Dez 2016. Posso declara – lá ?

  • Francisco /

    As informações e orientações divulgadas são excelentes para o aproveitamento e enriquecimento dos nossos conhecimentos, podendo usá-las com a mais absoluta certeza de fazer o melhor e o correto perante a legislação vigente.
    Gostaria de adicionar ao texto que as deduções do imposto de renda devido está condicionado a que o contribuinte faça a declaração das rendas optando pelas deduções legais e não pelo desconto simplificado.
    Abraços

  • Tarcisio Marques /

    informações bastante esclarecedoras que em muito ajudarão.Parabéns pelos bons serviços.

  • Jose Maria /

    Boas informacoe, muito esclarecedoras.

  • Comentário muito útil. Parabéns!

  • Christina Faini /

    O site NOLAR é muito útil para os empregadores doméstico. Leio todos os informativos que vcs enviam para o meu email. Obrigada.

  • Carlos Ribeiro /

    Achei ótimo, em primeiríssima mão…

  • Wilson Lima /

    Texto muito instrutivo.

  • Em vez de dar explicação sobre o tabela do IRPF 2017 deveriam ter mostrado simplesmente a tabela.
    Achei ótimas as explicações .

  • telma brasil /

    Muito bom recebermos estes resumos, assim fioca mais fácil ler somente o que me interessa. aguardo atualizacao ano base 2016 para desconto no IR. Parabens

  • Excelentes informações, esclarecem bem quatro à dedução do empregador, muito bom e oportuno

  • Margareth Souza /

    Muito boa a matéria e com uma linguagem acessível. Ficarei no aguardo do limite de dedução do doméstico para 206/2017

  • Manoel Rodrigues Junior /

    Matérias sempre claras e objetivas.

  • Jean Santos /

    Sempre muito interessante as orientações. Lembrete importante e esclarecedor. Parabéns1

  • Prezados,
    Boa tarde, estas matérias são sempre muito importantes e preciosas ara nós que trabalhamos com estas matérias.

  • Francisco Jorge /

    Os Post são sempre ExcelenteS. Parabéns pelas colocações de suma importância para que possamos nos atualizar e tirar dúvidas.

  • Gilmar Sant Anna /

    Muito útil, parabéns continuem assim….

  • Vilza Lins /

    Fiquei com uma dúvida. Tenho duas empregadas, só poderei deduzir o valor referente a uma empregada?

  • Vanessa Sidônio /

    Ótima!!!! Muito útil e importantíssima, resumida e bem objetiva, uma informação que não cansa a leitura, mas esclarecedora. Obrigada!!!!!

  • Maria Eunice Chianelli /

    Parabéns pelas informações esclarecedoras e sempre bem antecipadas à data em que serão utilizadas!

  • José Reni Corrêa Pereira /

    Obrigado pelo excelente conteúdo, colocado a nossa disposição.

  • miriam regina simoes /

    Excelentes informações.

  • Nereu José /

    Parabéns! Obrigado pelas informações valiosas!

  • Eliane Sampaio /

    Ótima explicação, esclareceu muito e com boa antecedência.

  • Eraldo Vieira /

    Muito boa informação. Objetiva e clara. Parabéns, equipe do NOLAR.
    Eraldo Vieira

  • Eloanda Vieira Santos /

    Muito boa as informações

  • Homero Melo /

    Orientação muito prestativa, para o público

  • Carlos L. S. Palmer /

    Excelente as informações preliminares sobre a Declaração do IR, principalmente no que se refere às deduções em relação às empregadas domésticas.
    Carlos Sherman

  • ulrike julie pfeiffer /

    Excelente. O site sempre atualizado nos informando de maneira clara e enxuta das novidades, normas ou regras.

  • Luiz Antonio pecoraro /

    Muito útil. Obrigado.

  • maria elisa p lucas /

    muito útil para mim, sempre olho as notícias de vcs pq ajudam bastante!

  • Antenro D"Avila /

    A matéria foi m útil e esclarecedora.
    Parabéns

  • Edileusa Acioli de Vasconcelos Ávila /

    Foi muito importante.

  • Flavio Ferreira /

    EXCELENTE ! MUITO ÚTIL !

  • Muito boa a explicação.

  • Ana paula /

    Muito obrigada, excelente materia! Fiquei com uma duvida, eu registrei a empregada em meu nome/cpf, mas é meu marido que paga, em qual IR informar?

    • Rogerio Blatt /

      Olá Ana,

      Informe o CPF que esta vinculado a sua conta no eSocial, onde a empregada está cadastrada.

  • Minha empregada entrou 01/10/2016
    Devo declarar ou fica pra 2018??

    • Rogerio Blatt /

      Olá Silvia,

      Sim, deve declarar todos os pagamentos realizados em 2016, neste caso as competências de Out / Nov / Dez / 13.

  • Rogerio Celso de Resende /

    Como sempre as informações são claras e objetivas. Obrigado. Rogério.

  • Segundo joao modolin /

    E muito importante as informacoes que voces passam para nos continuem assim e muito obrigado.

  • Claudemir Gomes /

    Essas informações foram de grande importância. Como sempre vocês nos deixam a par de tudo.

  • Alberto Correia /

    Os itens acima, foram muito esclarecedores, parabéns.

  • Lourenço Conrado Costa /

    Os comentarios Nolar são sempre esclarecedores. Nota 10.

  • lauro siqueira /

    muito grato pelas informações do IRRPF/2017 é muito bem esclarecida, parabens a equipe NO LAR

  • HIROJI NAGANO /

    Bom. Informações importantes sobre IRPF 2017.

  • Referente a essa observação => para optar pela dedução referente a contribuição à previdência social do empregado doméstico, é importante que os pagamentos mensais do Documento de Arrecadação do eSocial (DAE) estejam em dia. Além disso, a dedução é limitada a um empregado por CPF, no caso do empregador doméstico ter por exemplo mas de 5 empregados no CPF dele não vai poder deduzir a contribuição previdência de todos os empregados?

  • Francisco Marto Lyra /

    As matérias são sempre muito importante.

  • MARLENE FERNANDES MOREIRA MARTINS /

    Tenho aprendido muito com as informações que a nolar posta em seu blog. Muito obrigada a toda equipe responsável pela divulgação.

  • Foi ótimo ter o lembrete das deduções . Artigo muito bom.

  • Alexandre Pires /

    Informação em primeira mão, maravilha .

    • maristela /

      Muito bom. Ainda mais eu, do alto dos meus 78anos ,preciso mesmo de explicações claras. Obrigada pelas instruções

    • Naly Ferreira Fraga Milhomem /

      Gostei muito, vai me ajudar bastante.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado

top